Polícia Militar mantém greve em SC

JB Online

FLORIANÓPOLIS - Policiais militares de Santa Catarina acompanhados de familiares, fecharam o Comando Geral da Polícia Militar e vários quartéis no estado. Diversas viaturas tiveram seus pneus esvaziados pelos grevistas, prejudicando o atendimento à população. A greve conta com o apoio de integrantes do Corpo de Bombeiros.

A categoria quer o cumprimento da Lei 254, que prevê a diminuição da diferença entre os salários nas corporações. O presidente da Associação dos Praças de Santa Catarina (Aprasc), Amauri Soares, disse que o governo tinha encerrado as negociações, fato negado pelo secretário de Segurança.