SC: Vítimas da enchente preparam ceia em abrigo

Portal Terra

FLORIANÓPOLIS - Vítimas das enchentes de Santa Catarina e voluntários se mobilizaram para a realização da ceia de Natal nos abrigos espalhados pelo Estado. Presentes para as crianças e adolescentes, alimentos e roupas para a festa já estão garantidos. Em Ilhota, um dos municípios mais atingidos pela catástrofe, os abrigos ainda continuam recebendo várias doações ao dia.

As chuvas deixaram 32 mil pessoas desalojadas em SC. Foram confirmadas 133 mortes, mas ainda há 22 pessoas desaparecidas. O Estado tem, até agora, 301 casos de leptospirose confirmados. Segundo a Defesa Civil, cerca de 5 mil pessoas passarão o Natal em abrigos.

Esta semana, a visita de Papais Noéis aos abrigos se tornou freqüente. No mínimo seis, segundo os próprios desabrigados, apareceramm todos os dias. - Aparece um Papai Noel por hora distribuindo brinquedos - brinca Bruno Correa Reinart, 13 anos, que permanece num abrigo desde o dia 24 de novembro.

- Já apareceram uns 50 esta semana e a gente nem tem muito tempo para descansar - disse o menino.

Mesmo com tantas visitas, a fila com pessoas de todas as idades se forma rapidamente para a distribuição de presentes. Além das iniciativas de empresas e igrejas, o próprio governo catarinense chegou a promover entregas de presentes pelo Papai Noel junto às famílias desabrigadas e alojadas em casas de familiares.

No abrigo que funciona na escola Domingos Machado, em Ilhota, as decorações de Natal foram produzidas por uma artesã local com a ajuda dos próprios desabrigados. Uma árvore e anjos foram colocados como enfeites no pátio da escola. No local, será realizada a ceia e a troca de presentes. Para a ceia, vários alimentos foram doados pela comunidade da cidade. Roupas chegaram a ser trocadas por um leitão com um asilo local.