Vice-presidente diz que momento exige diminuição dos juros

Agência Brasil

SÃO PAULO - O vice-presidente da República, José Alencar, considerou como exigente o momento atual para uma diminuição da taxa básica de juros. Segundo ele, o país teve outras oportunidades mais adequadas para abaixar a Selic e não aproveitou. Agora, terá de fazê-lo por necessidade.

- Esse momento eu não sei se é propício [para diminuir a taxa básica de juros]. Eu acho que já tivemos muitos anos de momentos mais propícios do que esse. Esse momento é exigente para que se faça uma taxa de juros [menor]. É menos propício que exigente - disse nesta terça-feira em São Paulo, antes de receber um prêmio no Instituto do Câncer de SP.

José Alencar ressaltou ainda que facilitar os investimentos com taxas mais baixas é o caminho que grande parte dos países está tomando na atual conjuntura de crise econômica.

- Nós hoje estamos todos no mundo inteiro preocupados com evitar a estagnação da economia. Queremos que a economia continue crescendo e para isso é preciso que haja investimentos. Obviamente, esses investimentos não podem ser inibidos por taxas altas de juros - disse.