SC: Defesa Civil organiza rede de voluntários para atrair mais ajuda

Norma Moura, JB Online

BRASÍLIA - A Defesa Civil de Santa Catarina calcula em cerca de seis mil o número de voluntários engajados na reconstrução do desastre que atingiu o Vale do Itajaí e alguns municípios litorâneos do estado. Ainda assim, a população catarinense atingida pelas enchentes e deslizamentos precisa da solidariedade de outras pessoas, seja em forma de doação de dinheiro para uma das oito contas abertas para arrecadar recursos para reconstruir o que foi destruído seja como voluntário ajudando a organizar e separar as toneladas de donativos que chegam de todo o Brasil.

Para evitar concentração de voluntários em alguns postos, o que acaba prejudicando os trabalhos, e falta de pessoal em outros, a Defesa Civil criou o Portal Voluntários Online para orientar esses colaboradores, considerados fundamentais no processo de triagem, armazenamento e distribuição das doações.

Precisamos de voluntários conscientes frisa o major Emerson Neri Emerim, da Defesa Civil de Santa Catarina.

Os interessados podem obter informações de como ajudar as vítimas das cheias e se cadastrar para as vagas disponíveis acessando o link para voluntários incluído na página www.desastre.sc.gov.br, criada pela Defesa Civil para informar sobre as enchentes em Santa Catarina.

No portal, há vagas presenciais para voluntários dispostos a separar e organizar as doações em Florianópolis, Joinville, Blumenau e Gaspar - essas duas entre as cidades mais afetadas pelas chuvas. Há ainda vagas para organização de recreação em abrigo em Florianópolis, assistente social em Gaspar e Blumenau e voluntários em análise de áreas de risco e estudo do solo em Gaspar, município que também necessita de voluntários para carregar e descarregar caminhões.

Quem está fora do estado também pode participar do movimento de reconstrução de Santa Catarina. No site há vagas para voluntários em divulgação das campanhas de doações que várias entidades lançaram para ajudar os catarinenses.