Brasília é sede de Congresso Internacional de Políticas Regionais

JB Online

BRASÍLIA - Entre quarta-feira e sexta-feira, Brasília sediará o I Congresso Internacional de Gestão de Políticas Regionais no Mercosul e na União Européia. O evento, promovido pelo Ministério da Integração Nacional, reunirá acadêmicos, professores, técnicos e estudantes. Durante o encontro, os participantes irão trocar experiências que possam reverter a situação de exclusão sócio-econômica que atinge diversas regiões dos blocos econômicos europeu e sul-americano.

- O governo brasileiro retomou, de forma efetiva, a prioridade à chamada questão regional no país, e a parceria com a União Européia é parte importante da estratégia de focar a redução das desigualdades regionais como objeto maior da Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR) - afirma o secretário de Políticas de Desenvolvimento Regional do Ministério da Integração Nacional, Henrique Villa.

O secretário enfatiza, ainda, que é o momento certo para discutir as diferenças e soluções para as políticas regionais dos blocos envolvidos. - Os resultados alcançados pela Europa nos últimos 30 anos confirmam a importância das políticas regionais e o papel da boa gestão para o êxito do processo de entrega de bens e serviços à população - acrescenta.

A troca de experiência com especialistas do Mercosul e da União Européia beneficiará o Brasil na área da gestão regional. Vale lembrar que o reconhecimento global ao processo de redução das desigualdades regionais patrocinado pelo velho continente motivou a assinatura de um Acordo de Cooperação entre o Brasil e a UE. O acordo, que entra em vigor em 2009, prevê, entre outras ações, a capacitação de gestores da política regional brasileira, o suporte técnico à condução da PNDR, a gestão conjunta de projetos em áreas de interesse comum e o intercâmbio de experiências, conhecimentos e informações disponíveis.