Estudante brasileiro desaparece em escalada a monte na Bolívia

Gabriela Voskelis, Portal Terra

PORTO ALEGRE - A família do estudante de Teologia da Universidade Adventista da Bolívia, Rodrigo Soares Oleinski, de 27 anos, que estuda em Cochabamba desde fevereiro, informou que ele está desaparecido desde o dia 29 de outubro. Segundo a mãe do jovem, Maria Cecília, que mora em Canoas, no Rio Grande do Sul, na região metropolitana, ele saiu para escalar o monte Sajama, na Cordilheira dos Andes, sozinho e não voltou.

- Ele disse que ia nessa montanha, que é a mais alta da Bolívia, para orar - contou Maria Cecília. Ela disse que o jovem foi visto comprando um mapa da montanha de um guia e, mais tarde, já no monte, por uma camponesa que cuidava de animais.

- Não sei por que ele foi sozinho. Ele é um desbravador. Sempre acampa, gosta da natureza. Ele achava que podia ir.

A mãe do estudante afirmou que seu outro filho, Rubem Soares Oleinski, embarcará nesta terça-feira rumo à Bolívia para ajudar nas buscas pelo irmão desaparecido.

- Ele tem muitos amigos lá, colegas de universidade que estão indo nas buscas. Mas não têm recursos, lá não há nem helicópteros para sobrevoar a área - contou Maria Cecília.

- Está muito triste a situação aqui em casa. Estamos orando e jejuando para que Deus cuide dele - disse Maria Cecília.

Ela afirmou que a família enviou um ofício comunicando o desaparecimento e pedindo ajuda ao Ministério das Relações Exteriores. Procurada, a assessoria do Itamaraty disse não ter conhecimento do caso.