Financiamento habitacional será aberto a todos os servidores federais

JB Online

BRASÍLIA - A proposta do Ministério da Previdência Social de criar um programa de habitação para os servidores da Previdência Social será ampliada pelo Governo Federal para todos os servidores do Poder Executivo. O convênio deverá ser assinado com a Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil na próxima semana.

Esse convênio a ser assinado pelos ministros José Pimentel (Previdência Social) e Paulo Bernardo (Planejamento) - irá estender o benefício a todos os servidores ativos e aposentados - da administração direta, autarquias e fundações públicas. Também poderão ter acesso ao financiamento funcionários de empresas públicas e de sociedade de economia mista.

Com a Caixa, o servidor poderá financiar até 100% do valor de imóvel, novo ou usado. O prazo de pagamento estava previsto para até 30 anos, com juros variando entre 8,4% a 12%. O servidor poderia comprometer até 25% da sua renda familiar.

Pelo Banco do Brasil, o servidor poderá financiar até 80% do valor do imóvel, residencial, comercial, novo ou usado. O banco ofereceu prazo de até 20 anos para quitação, com juros entre 8,9% a 13,9%.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais