Justiça interdita maior presídio do Ceará

Portal Terra

SÃO PAULO - O juiz Roberto Viana Diniz de Freitas, de Aquiraz, na região metropolitana de Fortaleza, interditou parcialmente ontem o Instituto Penal Paulo Sarasate (IPPS), o maior presídio do Ceará. A informação é do jornal O Estado de S. Paulo.

O pedido havia sido feito pelo Ministério Público, que justificava a necessidade de interdição devido à superlotação da unidade. Com capacidade para 950 detentos, o IPPS abriga atualmente 1.280. Neste ano, 13 presidiários foram mortos por companheiros de cela.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais