Senado aprova nome de Emília Ribeiro para diretoria da Anatel

Agência Brasil

BRASÍLIA - O Plenário do Senado aprovou, por 42 votos favoráveis e 15 contrários, o nome da assessora da Presidência do Senado, Emília Ribeiro, para o Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). O mínimo necessário para a aprovação era de 41 votos.

A indicação de Emília, pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, gerou polêmica desde que seu nome entrou em discussão na Comissão de Infra-Estrutura do Senado.

Sabatinada pelos parlamentares da comissão no último dia 20, a assessora garantiu que sua ida à Anatel não era decisiva para a fusão das empresas OI e Brasil Telecom, conforme foi divulgado pela imprensa. - Vou complementar, dar idéias, participar - disse na ocasião.

Na Comissão de Infra-Estrutura, o nome de Emília foi aprovado por 13 votos favoráveis e 5 contrários. Agora, com a aprovação pelo Plenário da Casa, ela está oficialmente nomeada.

Emília Ribeiro substitui o ex-diretor José Leite Pereira Filho, que deixou o posto em novembro do ano passado.