Sanguessugas: MPF denuncia outro prefeito do MT

Portal Terra

CUIABÁ - A Procuradoria Regional da República da 1ª Região (PRR-1) denunciou o prefeito de Conquista D'Oeste (MT), Walmir Guse, por envolvimento na máfia das sanguessugas. Ele ocupa o cargo desde 2001. Nesta semana, o Ministério Público Federal também denunciou o prefeito de Novo Mundo (MT), Nelson Baumgratz, por desvio de verbas públicas, fraude em licitação e formação de quadrilha.

Também foram denunciados Darci José Vedoin, Luiz Antônio Trevisan Vedoin e Alessandra Trevisan Vedoin, acusados de coordenar as fraudes. Segundo a denúncia, os Vedoin montariam empresas de fachada para fraudar licitações e garantir o fornecimento de ambulâncias aos municípios envolvidos. Eles também são acusados de manter uma rede de contatos entre deputados e senadores para garantir a aprovação de emendas parlamentares com recursos para a compra dos equipamentos de saúde.

Em Conquista D'Oeste, a empresa que ganhou uma das licitações para o fornecimento do material não exisitiria - teria sido criada com o objetivo de fornecer documentos a preços baixos.

Os convênios assinados entre a prefeitura e o Ministério da Saúde previam o repasse de mais de R$ 130 mil pela União. Segundo a Controladoria Geral da União (CGU), desse dinheiro, mais de R$ 50 mil teriam sido desviados com o superfaturamento do material comprado.