SC: deficientes devem comunicar TRE até segunda-feira

Portal Terra

FLORIANÓPOLIS - Termina nesta segunda-feira, em Santa Catarina, o prazo para que pessoas que possuam algum tipo de deficiência física comuniquem aos juízes eleitorais da sua necessidade, para que seja facilitado o acesso ao processo de votação. Com a informação do eleitor, a Justiça Eleitoral poderá adaptar algumas seções para receber o voto de portadores de necessidades especiais.

No Estado, estão inscritos 2.148 eleitores com algum tipo de deficiência. A grande maioria (733) é formada por cadeirantes ou com graves dificuldades de locomoção, e 532 são deficientes visuais, segundo informou o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Santa Catarina.

Para receber esse segmento de eleitor, os juízes eleitorais poderão tomar medidas simples, como instalar as urnas no andar térreo ou em prédios com rampas de acesso ou elevadores, ou também urnas eletrônicas adaptadas que permitam ao eleitor cego ouvir o dispositivo sonoro relacionado às teclas acionadas na hora do voto.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais