Amazônia: sueco pode ser chamado pelo Senado

Portal Terra

BRASÍLIA - O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), apresentou nesta segunda-feira à Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado um pedido para que convide ao empresário sueco Johan Eliasch, para esclarecer a questão da compra de terras na Amazônia. No requerimento, Virgílio solicita ainda a convocação do diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Paulo Lacerda.

O senador citou reportagem veiculada no domingo no programa Fantástico, da Rede Globo, que apontou Eliasch, diretor da ONG Cool Earth, como o maior comprador de terras na Amazônia. Tanto ele quanto a ONG estariam sendo investigados pela Abin.

Arthur Virgílio disse que chegou a apresentar um requerimento a então ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, solicitando uma investigação sobre o empresário. No entanto, segundo a assessoria de gabinete de Virgílio, o documento foi arquivado pela Mesa Diretora do Senado.