Marina Silva chora ao falar de ex-equipe ministerial

Portal Terra

BRASÍLIA - A senadora Marina Silva (PT-AC), ex-ministra do Meio Ambiente, chorou ao comentar sobre a equipe com quem trabalhava no ministério. Em entrevista exibida pelo Bom Dia Brasil, ela se emocionou ao dizer que vai demorar para deixar de chamar os funcionários da pasta de "sua equipe".

- Vou demorar um pouco para deixar de chamar o pessoal de minha equipe, porque agora eu sou do Senado", afirmou. Marina pediu demissão no último dia 13. No lugar dela, assumirá o secretário de Ambiente do Rio de Janeiro, Carlos Minc.

Marina Silva afirmou que o maior crime ambiental que se comete no País é o desmatamento da Amazônia. Ela classificou como o maior "criminoso" o modelo insustentável de desenvolvimento que, segundo ela, é seguido no Brasil.

Ao ser questionada sobre se Brasil caminha para ser vítima ou vilão do aquecimento, ela afirmou que o Brasil está "na encruzilhada".

- Na encruzilhada, é muito bom, você pode fazer uma escolha, ir para um caminho ou outro. A melhor forma de respeitar o meio ambiente é sendo visto como um viabilizador do desenvolvimento e não como se ele fosse um empecilho - disse.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais