PF se instala em região de reserva indígena em RR

Portal Terra

BRASÍLIA - Homens da Polícia Federal se instalam nesta terça-feira na região de Pacaraima e São Marcos, na reserva Raposa Serra do Sol, em Roraima. Na segunda-fiera, 60 homens da Força Nacional de Segurança Pública já montaram base na Vila Surumú. O objetivo é atuar em equipes volantes e bases fixas para a revista de pessoas, prevenção à violência e promoção da paz.

De acordo com o ministro da Justiça, Tarso Genro, trata-se de uma decisão do Supremo Tribunal Federal, que, na semana passada, suspendeu a retirada dos posseiros não-índios da reserva, até o julgamento do mérito de uma das diversas ações que tratam do tema.

Enquanto isso, os policiais também garantirão a integridade física dos servidores públicos federais que fiscalizam a área. Conforme estudos do Ibama e da Agência Nacional de Águas (ANA), há fortes indícios de que as atividades dos rizicultores provocaram danos ao meio ambiente.

A atuação dos policiais inclui, ainda, uma vistoria de prejuízos causados à União, devido às manifestações das últimas semanas, como depredações em órgãos públicos e destruição de pontes em rodovias federais.

- Serão instalados inquéritos em função de uma resistência ilegal, com atitudes quase terroristas de sabotagem. A Polícia Federal vai continuar trabalhando para indiciar e punir as pessoas que participaram destes conflitos - informou Tarso.

Até agora, a Funai já repassou R$ 11,7 milhões em indenizações - R$ 5 milhões depositados em juízo, em agosto de 2007, em benefício das famílias que resistem à retirada.