Médico é acusado de matar um e atropelar outros três em Recife

Portal Terra

RECIFE - Uma pessoa morreu e três ficaram feridas em um acidente, na manhã desta terça-feira, no bairro de Afogados, Zona Sudoeste do Recife (PE). Segundo a polícia, as vítimas estavam em uma parada de ônibus quando foram atingidas por um carro desgovernado conduzido pelo médico aposentado José Arnaldo Gomes, 75 anos.

O auxiliar de serviços gerais José Soares da Silva, 48 anos, estava em uma bicicleta quando foi atingido e morreu na hora. O amigo dele, Edvan Manoel da Silva, também em uma bicicleta, foi socorrido e está internado no Hospital Getúlio Vargas, no bairro do Cordeiro. Outras duas pessoas que estavam na parada de ônibus foram atingidas, mas foram liberadas após atendimento médico.

De acordo com a polícia, Gomes foi detido por testemunhas quando tentava fugir do local do acidente. Os testes com bafômetro indicaram que ele estava com os níveis de álcool no sangue duas vezes acima do permitido. - Em depoimento, ele diz que não bebeu hoje, mas não é isso que os exames acusam. Também disse que a bicicleta se jogou pra cima dele. Ou seja, praticamente ele diz que a vítima foi quem o atropelou - disse o delegado Vamberto Gomes, que conduz as investigações.

O médico foi autuado em flagrante por lesão corporal e homicídio culposo (quando não há a intenção de matar). Juntos, os crimes prevêem uma pena de até 7 anos. Depois de pagar uma fiança de R$ 3 mil, o motorista foi liberado e deve responder ao processo em liberdade.