Presidente diz que momento econômico melhora qualidade de vida

Agência Brasil

BRASÍLIA - O crescimento econômico, aliado à geração de empregos e à distribuição de renda, é responsável por elevar o padrão de qualidade de vida dos brasileiros, afirmou nesta segunda-feira (31) o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao comentar o resultado da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) divulgada na semana passada.

- O povo brasileiro está vivendo melhor, está ganhando mais, está podendo comprar mais, tendo acesso às coisas que antigamente pertenciam apenas a um pequeno segmento da sociedade - garantiu em seu programa semanal de rádio Café com o presidente.

- O importante de tudo isso é que a pesquisa publicada pelo Pnad [o Programa Nacional por Amostra de Domicílio] mostra que os programas de transferência de renda do governo estão chegando diretamente aos lugares mais pobres do Brasil e atingindo as pessoas que necessitam - finalizou.

De acordo com a pesquisa, os programas de transferência de renda do governo chegam a 18,3% das famílias brasileiras. Na Região Nordeste, o índice quase dobra (35,9%). Em 2006, uma em cada três famílias nordestinas eram beneficiadas pelo Bolsa Família.

Além dos programas sociais, Lula enfatizou a importância do crescimento da economia para elevar o padrão de desenvolvimento. Disse que há mais empregos e crédito disponível ao trabalhador. Segundo ele, a junção desses fatores com as obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) resultam na ascensão social dos brasileiros.

Também em seu programa de rádio, o presidente disse que os investimentos no Nordeste vão mudar a cara da região.