Militar é suspeito de estuprar enteada de 10 anos

Portal Terra

SÃO PAULO - Policiais militares detiveram, na madrugada desta terça-feira, um suboficial da Marinha suspeito de estuprar a própria enteada de 10 anos, no Jardim Japão, zona norte de São Paulo.

Segundo informações da Polícia Militar, o delegado do 19º Distrito Policial pediu uma averiguação do caso depois que uma viatura encontrou a vítima na rua. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que a mãe da vítima disse que sua filha havia sido violentada por seu marido, quando os policiais chegaram à casa dela.

A menina contou para a polícia que já sofreria abuso há mais de um ano, desde que sua mãe casou-se com o suspeito. Ela disse que não havia contado nada pois tinha medo do padastro. A mãe da criança só teve conhecimento da suposta violência sexual nesta madrugada.

Segundo a SSP, o suspeito ainda não foi preso, já que apenas a versão da criança não prova o crime e a mãe dela não suspeitou nem presenciou a agressão. A criança passará por exames de corpo delito e sexológicos.