Promotor é suspeito de matar motoqueiro em SP

Portal Terra

SÃO PAULO - O promotor de Justiça Pedro Baracat Guimarães Pereira, 42 anos, é suspeito de ter matado com cerca de oito tiros um motoqueiro que teria tentado assaltá-lo na noite deste sábado, na Zona Sul de São Paulo. O promotor disse que o motoqueiro anunciou o assalto e pediu seu relógio de pulso.

Pereira foi abordado por Firmino Barbosa, 30 anos, por volta das 23h30, na avenida República do Líbano, no Ibirapuera, próximo ao portão 8, segundo informações da polícia.

O suspeito teria levado a mão à cintura, o que fez com que o promotor atirasse contra o rapaz. O motoqueiro, que levava seis relógios, teria sido atingido com cinco tiros na região da axila.

Barbosa foi socorrido pela Polícia Militar e levado ao Hospital São Paulo, mas não resitiu aos ferimentos.