Corpo de jovem torturado por PMs pode ser exumado

Portal Terra

SÃO PAULO - O corpo do adoelscente Carlos Rodrigues Júnior, 15 anos, morto após tortura em Bauru, a 343 Km de São Paulo, pode ser exumado a pedido dos advogados de defesa de quatro dos seis policiais militares suspeitos de participar das agressões. As ifnormações são do jornal Folha de S.Paulo.

O pedido, que será feito à Justiça, vai ser baseado na conclusão do laudo do Instituto Médico Legal (IML) da cidade, divulgado na terça-feira, que relata 30 marcas de choques elétrico no corpo do jovem, além de escoriações na face e no tórax. A morte do adolescente foi atribuída às agressões.

Segundo o diretor do IML de Bauru, Ivan Edson Segura, não há o que mudar no laudo.

- Estamos absolutamente tranqüilos, Ele foi amplamente documentado.