Mãe é suspeita de "penhorar" filha em boca-de-fumo

Portal Terra

BELO HORIZONTE - A Polícia Civil em Montes Claros, no norte de Minas Gerais, investiga uma mulher suspeita de ter "penhorado" a filha de 1 ano em uma boca-de-fumo. A avó da criança foi quem procurou a polícia por volta das 3h desta quinta-feira dizendo que a filha dela, Tatiana da Conceição Araújo, 21 anos, teria deixado o bebê em poder de traficantes.

No depoimento, a avó teria afirmado que os criminosos disseram que iriam liberar a menina somente depois do pagamento de R$ 10, valor de uma dívida contraída pela mãe. Policiais militares foram então até o local e resgataram a menina sem ferimentos.

Um suspeito que seria o dono da boca-de-fumo foi detido, mas liberado pelo delegado Rodrigo Braz Barbosa sob a alegação de que nenhuma droga foi encontrada com ele.

Ao prestar depoimento, Tatiana Araújo negou que tivesse abandonado a filha no local. Ela disse que deixou a garota na casa de um amigo. Depois de ouvida, a mulher foi liberada, mas o caso ainda será apurado pela Polícia Civil de Montes Claros. A menina foi entregue à avó.