Fortaleza terá cerimônia pela morte de dom Aloísio

Portal Terra

FORTALEZA - A arquidiocese de Fortaleza celebra neste domingo, ao meio-dia, na catedral metropolitana da cidade, uma missa em memória de dom Aloísio Lorscheider, que morreu em Porto Alegre. Lorscheider comandou a arquidiocese entre 1973 e 1985 e é reconhecido no Ceará pela defesa dos direitos humanos e dos pobres, conforme relata o atual arcebispo da cidade, dom José Antonio Aparecido Tosi Marques.

´- O que eu posso dizer é que sinto na vida do povo de Fortaleza a marca dos 22 anos em que ele dirigiu a igreja local. Temos uma gratidão imensa por ele, principalmente quando nos lembramos dos momentos mais difíceis, como a ditadura militar, em que ele sempre lutou pelos direitos humanos. Ele também sempre foi ligado aos pobres e fez um trabalho extraordinário com eles - afirma.

Segundo Marques, a Sé de Fortaleza, inaugurada por dom Aloísio, lembrará para sempre a sua presença.

- A vida dele foi o testemunho de um homem de Deus, de um Franciscano, e ele será lembrado em todos os cantos desta cidade - diz.