Custo para construção de tribunais varia até 2392%

Portal Terra

SÃO PAULO - Os valores estimados no Plano Plurianual de 2008 a 2011 para construção de tribunais variam em até 2392%. É o caso da comparação entre o edifício-sede da Justiça federal em Campinas, estimado em R$ 20 milhões e o edifício-sede do Tribunal Regional Federal da 1º região, em Brasília, orçado em R$ 498,55 milhões. Os dados são do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

A segunda construção mais cara do Judiciário listada no Plano Plurianual é a do edifício-sede do Tribunal Regional Federal da 2ª região, no Rio de Janeiro, estimado em R$ 115,34 milhões. Outras 13 obras constam do plano até 2011, incluindo uma reforma do edifício-sede do Tribunal Regional Federal da 3ª região, em São Paulo, ao preço de R$ 36,77 milhões.

Segundo o jornal Folha de S.Paulo, um grupo de deputados da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara já fez um pedido à presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Ellen Gracie, para que o CNJ controle este tipo de gasto.

Ao jornal, a presidente do STF disse que não encaminhou a sugestão ao CNJ porque os deputados não formalizaram o pedido, apenas comentaram durante uma audiência.