Fuga de assaltantes deixa um ferido no Metrô de SP

Portal Terra

SÃO PAULO - Homens armados que haviam roubado malotes com dinheiro de uma agência bancária no Centro de São Paulo provocaram tumulto nesta sexta-feira em uma estação do Metrô. Os assaltantes entraram, por volta das 12h40, na estação Liberdade e correram pelos trilhos até à estação Sé. Uma pessoa foi baleada. Um dos suspeitos foi preso.

Os ladrões foram perseguidos pela Polícia Militar após assaltarem uma agência do Bradesco. O tiroteio teve início quando os fugitivos entraram na estação Liberdade. Ao chegarem na estação da Sé, um dos suspeitos teria atirado contra a polícia.

Duas armas foram apreendidas na estação Liberdade e uma na Sé. O malote com o dinheiro roubado foi recuperado pela Polícia Militar.

Durante a perseguição, o Metrô acionou todo o seu sistema de segurança e desenergizou a linha. A circulação entre as estações Sé e Barra Funda ficou interrompida entre 13h09 e 13h27.

Testemunhas informaram que ouviram pelo menos dois tiros dentro da estação. A assessoria do Metrô confirmou que um passageiro foi encaminhado ao pronto-socorro pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não soube informar se o ferimento foi provocado por disparos dos assaltantes.