PR: pai de estudante morta diz que está destruído

Portal Terra

LONDRINA - O pai da estudante Amanda Rossi, 22 anos, que foi encontrada morta na manhã desta segunda-feira na Universidade Norte do Paraná (Unopar), em Londrina, não escondeu a tristeza com a perda da filha e disse não entender como a filha morta com tanta violência.

- Isso destrói qualquer homem - afirmou. As informações são da RPCTV.

A estudante estava desaparecida desde sábado e foi encontrada com uma lesão na cabeça, dentro da casa de máquinas da piscina do campus. A polícia trabalha com as hipóteses de homicídio ou latrocínio, pois os bens de Amanda não foram encontrados. Não foram encontrados indícios de violência sexual.

A estudante estudava Educação Física e iria se formar no final do ano. Amigos e familiares afirmam que ela era uma moça simples, alegre e que costumava freqüentar a igreja.