Três pesoas são mortas a golpes de machado em SP

Marcelo Pedroso, Portal Terra

TAUBATÉ - Três pessoas foram mortas a golpes de machado por volta da 1h desta terça-feira na cidade de São Luís do Paraitinga, distante 184 km de São Paulo. As vítimas foram identificadas como Edenilson Monteiro da Silva, 24 anos, Aldeci Pinheiro Barbosa, 47 anos, e Joseph El Khouri, 79 anos.

Três suspeitos pelo crime foram presos na manhã de hoje pela Polícia Militar em Ubatuba, no litoral norte. Otacílio Correia, 36 anos, Alex Silva Santos, 24 anos, e Leandro Admilson Felix, 23 anos, estavam em uma Kombi que teria sido usada no crime.

Segundo a polícia, o crime teve início na área rural de Santa Virgínia, onde as vítimas moravam. Elas teriam sido tiradas de casa pelos três suspeitos e colocadas na Kombi. O trio teria se dirigido para um local afastado e iniciado a execução.

O operador de motosserra Celestino Máximo Filho, 29 anos, e o pedreiro Anderson dos Santos, 23 anos, também foram levados ao local, mas conseguiram fugir. Eles voltaram para casa e ligaram para a PM.

- Eu estava só de cueca e consegui fugir depois que eles me pegaram pelo cabelo e me jogaram para fora da Kombi - disse Máximo Filho.

- Como o Celestino tinha conseguido fugir primeiro, eles me soltaram para que eu o avisasse que não era para chamar a polícia, senão eles voltariam e matariam as nossas famílias - afirmou o pedreiro.

A polícia suspeita que a execução dos três homens esteja relacionada à disputa de terras. Os três suspeitos presos em Ubatuba foram levados para a Delegacia de São Luís do Paraitinga, onde serão autuados por triplo homicídio.