PF: Colombiano teria patrimônio de R$ 202 milhões

Portal Terra

SÃO PAULO - A Polícia Federal divulgou nesta segunda-feira que o patrimônio do suposto traficante colombiano, Gustavo Duran Bautista, está avaliado em cerca de R$ 202 milhões (US$ 100 milhões). Bautista foi preso no sábado no Uruguai pela Operação São Francisco da PF.

A operação tem o objetivo de desmontar uma quadrilha de traficantes que manda drogas para a Europa, escondidas em caixas de frutas exportadas por produtores do Nordeste do Brasil. As caixas geralmente partiam do porto de Santos e um dos principais destinos era a Holanda.

Nove pessoas supostamente ligadas ao grupo foram presas pela operação. Duas delas são colombianas. Segundo informações da Polícia Federal, foram apreendidos 12 veículos, duas aeronaves e um helicóptero. A operação também apreendeu R$ 35 mil e US$ 45 mil.

Bautista vivia em uma casa no bairro Morumbi, em São Paulo, e deve responder pelos crimes de tráfico de drogas, financiamento para o tráfico, lavagem de dinheiro e associação para o tráfico.