Reunião de líderes é adiada para amanhã

Agência Câmara

BRASÍLIA - A reunião de líderes partidários para discutir um acordo sobre a reforma política, marcada para esta terça, às 14h30, foi adiada para quarta-feira, às 11 horas, de acordo com informações da Secretaria-Geral da Mesa. Pela manhã, líderes de vários partidos estiveram reunidos com um dos relatores da reforma política, deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO), para discutir uma alternativa à lista partidária fechada prevista no Projeto de Lei 1210/07. A lista fechada provocou divergências entre os deputados na discussão da matéria, iniciada na semana passada, e acabou provocando o adiamento da votação da proposta.

O líder do PT, deputado Luiz Sérgio (RJ), que participou da reunião, informou que os líderes retomarão a discussão em uma nova reunião, às 17 horas, no gabinete da liderança do DEM.

Uma das opções em discussão é a possibilidade de o eleitor votar duas vezes para cada cargo (vereador, deputado estadual e deputado federal) nas eleições proporcionais. No primeiro voto, obrigatório, o eleitor escolheria apenas a legenda. Em outro, facultativo, o eleitor poderia votar em um candidato da lista do partido. A definição da lista de eleitos seria feita a partir da combinação entre a lista partidária e os candidatos escolhidos pelo eleitor.