Hospitalizados, Tuma e Gontijo cancelam audiência no Senado

Leandro Mazzini, Agência JB

BRASÍLIA - O corregedor do Senado, senador Romeu Tuma (DEM-SP), cancelou hoje a audiência que teria em seu gabinete com o assessor especial da construtora Mendes Junior, Cláudio Gontijo.

Gontijo é amigo do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e personagem das denúncias da revista Veja sobre ligações suspeitas de Renan com a empreiteira, que supostamente pagaria a pensão alimentícia de uma filha de Renan com a jornalista Mônica Veloso.

Tuma está internado no Incor de São Paulo, para fazer exames de rotina. De acordo com sua assessoria, o senador é cardíaco e todas as segundas-feiras tem exames no hospital. Hoje, no entanto, ele teve de ficar hospitalizado por mais tempo. A equipe médica pediu para que o senador não trabalhe esta semana, mas Tuma avisou que pretende ouvir Gontijo amanhã.

Já Gontijo passou ontem por uma cirurgia abdominal em Belo Horizonte e não se sabe se terá alta até amanhã para viajar para Brasília.