Assessor de Lula diz que Chávez não fez nada ilegal

Portal Terra

RIO - O assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, afirmou neste domingo que o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, não cometeu nenhum ato ilegal ao vetar a prorrogação de concessão para a Rádio Caracas de Televisão (RCTV).

é 'papagaio'

Garcia disse que esteve várias vezes na Venezuela e em raros países viu a imprensa falar com tanta liberdade. Segundo Garcia, o Brasil julga que não "tenha sido violada nenhuma regra democrática" com a decisão de Chávez.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu neste domingo, em Nova Délhi, o Congresso Nacional, acusado pelo presidente da Venezuela, Hugo Chávez, de ter emitido um "comunicado grosseiro" em relação a assuntos internos venezuelanos.

- Eu acho que o Congresso não foi grosseiro, porque a nota do Congresso pede a compreensão apenas - disse Lula, ao voltar de um jantar com o primeiro-ministro indiano, Manmohan Singh.