PR: bebê envolvido em falso seqüestro é enterrado

Portal Terra

RIO - O corpo de Nicole Eduarda Profencki Guedes, 1 mês, foi enterrado neste sábado no Cemitério São Gabriel, em Colombo, região metropolitana de Curitiba (PR). A mãe da criança, Karla Cassiane Profencki, 19 anos, não esteve na cerimônia, pois está presa desde sexta-feira . Ela confessou ter escondido o corpo do bebê.

Karla confessou que deixou o corpo da filha a cerca de 500 m de onde morava, no bairro São Dimas, em Colombo, na última quarta-feira. Segundo ela, o bebê teria caído de seus braços após ser amamentado, batido a cabeça e morrido.

Inicialmente, a mãe afirmou que Nicole havia sido seqüestrada e chegou a pedir ajuda na televisão para que a criança fosse encontrada. Ela teve a prisão preventiva decretada na sexta-feira, depois de confessar o crime, e está presa no centro de Triagem Feminino da Polícia Civil, no centro de Curitiba.

O pai da criança, Alex Thiago Ribeiro Guedes, 20 anos, estava em estado de choque no velório. Parentes disseram que o rapaz não fez nenhum comentário sobre a versão de Karla.