Furacão: cronograma de depoimentos é definido

Portal Terra

RIO - A Polícia Federal e a Justiça do Estado do Rio de Janeiro acertaram nesta terça-feira o cronograma de depoimentos dos investigados pela Operação Furacão. A partir desta quinta-feira, 17 dos 21 detidos que não têm foro privilegiado terão uma rotina diária de viagens para prestar depoimentos oficiais.

Segundo informações da Polícia Federal, os acusados seguirão de avião todos os dias úteis até a próxima segunda-feira para serem interrogados na 6ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. A juíza Ana Paula Vieira de Carvalho, responsável pelo inquérito, ouvirá três suspeitos por dia. Os primeiros serão Ailton Guimarães Jorge, conhecido como capitão Guimarães, Aniz Abrahão David, o Anísio, e Antonio Petrus Kalil, o Turcão.

Dois advogados, que representam capitão Guimarães e Anísio, estiveram na Superintendência da Polícia Federal para acompanhar detalhes da transferência. A assessoria da Vara Federal no Rio de Janeiro confirma que, depois dos interrogatórios, os presos podem ser transferidos para presídio federal em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. A assessoria da Polícia Federal, contudo, não confirmou a informação da transferência.

Entre os presos pela Operação Furacão, deflagrada pela Polícia Federal no dia 13 de abril, estão contraventores, delegados e magistrados acusados de crimes como corrupção, tráfico de influência e envolvimento com jogos ilegais. Foi uma das maiores operações de combate à corrupção já realizadas no País, por causa do nível das pessoas envolvidas. A investigação mostrou a relação entre a Justiça e os bingos, que obtinham liminares ilegalmente para funcionar.

Do total de 25 presos, três foram liberados pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, por terem foro privilegiado: os desembargadores federais José Ricardo de Siqueira Regueira e José Eduardo Carreira Alvim, e o procurador regional da República João Sérgio Leal Pereira. O desembargador Ernesto da Luz Pinto Dória, do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, foi solto na segunda-feira, depois de conseguir um habeas-corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Veja a seguir o cronograma divulgado pela assessoria da 6ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro para cumprir os depoimentos necessários:

Na sexta-feira, dia 27 de abril, serão ouvidos José Renato Granado Ferreira, Paulo Roberto Ferreira Lino e Júlio César Guimarães Sobreira.

Na segunda-feira, dia 30 de abril, serão ouvidos Belmiro Martins Ferreira, Licínio Soares Bastos e Laurentino Freire dos Santos.

Na quarta-feira, dia 2 de maio, depõem José Luiz da Costa Rebello, Ana Cláudia Rodrigues do Espírito Santo e Jaime Garcia Dias.

Na quinta-feira, dia 3 de maio, serão ouvidos Evandro da Fonseca, Silverio Nery Cabral Jr. e Sergio Luzio Marques de Araújo.

Na sexta-feira, dia 4 de maio, prestarão depoimento Virgílio de Oliveira Medina, Luiz Paulo Dias de Mattos e Nagib Teixeira Sauid.

Na segunda-feira, dia 7 de maio, último dia de interrogatório, serão ouvidos João Oliveira de Farias e Marcelo Kalil Petrus, além daqueles cujos depoimentos sofreram eventuais atrasos.

Com agências