Operação Furacão chega a SP e ataca jogo ilegal

Portal Terra

SÃO PAULO - A Polícia Federal realiza nesta sexta-feira, em São Paulo, nova etapa da Operação Furacão. A intenção é cumprir pelo menos 100 mandados de busca, apreensão e prisão e envolvidos com o jogo no Estado. Pelo menos três desembargadores e dois juízes federais da 3ª Região (área que inclui SP) estariam na lista.

A Polícia Federal prendeu nesta sexta-feira, 25 acusados de envolvimento com exploração de jogos ilegais, corrupção de agentes públicos, tráfico de influência e receptação, nos Estados do Rio de Janeiro, Bahia, São Paulo e Distrito Federal.

Foram mobilizados 360 agentes em 94 veículos para cumprir 25 mandados de prisão e 70 de busca e apreensão.

No Rio, os policiais federais percorreram vários endereços e prenderam 23 pessoas, entre elas o presidente de honra da Escola de Samba Beija-Flor de Nilópolis, Aniz Abraão David, conhecido como Anísio.

Cerca de 10 homens chegaram por volta das 6h30 no prédio do presidente da Beija-Flor, na esquina da avenida Atlântica com a rua Hilário de Gouvêa, em Copacabana, endereço nobre da cidade. Os agentes estavam em três carros descaracterizados.

Eles foram direto para o 13º andar, onde fica o apartamento de Anísio. No local, foram recolhidos pelo menos quatro computadores e documentos.