Jornal do Brasil

País - Informe JB

Hospital Antônio Pedro: Ebserh responde

Jornal do Brasil INFORME JB, informejb@jb.com.br

Recebemos resposta da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) acerca de notícias sobre o Hospital Antônio Pedro publicadas neste InformeJB. Segue:

"Em relação à matéria “Hospital Antônio Pedro: depoimento de um servidor”, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) reforça o que já foi apontado pelo Hospital Universitário Antonio Pedro (Huap) na matéria intitulada “Resposta do Hospital Antônio Pedro”. Desde que assumiu a gestão da unidade, em 2016, a Ebserh intensificou as ações de gestão, otimizou processos e aperfeiçoou os serviços prestados, melhorando a produtividade.

"A estatal contratou funcionários via concurso público, ação determinada pelos órgãos de controle por trazer transparência, a ampla concorrência aos interessados e, principalmente, respeitar e cumprir as leis trabalhistas tanto no cumprimento e fiscalização de carga horária quanto nos valores a serem recebidos. Por meio do concurso foram contratados mais de 440 profissionais até o momento para a unidade e um novo concurso está aberto para possíveis reposições e/ou novas necessidades.

"Essa ação vem ao encontro de diversas iniciativas de gestão em curso tais como planos estratégicos com definição de prioridades, implementação de softwares de informatização como o AGHU (Aplicativo para Gestão dos Hospitais Universitários), suporte técnico para elaboração e projetos e compras centralizadas em Rede que geram economia, para citar alguns.

"Esses esforços são exemplificados nos números do hospital. No período de 2018 a 2019 houve aumento em: produção ambulatorial (13%), internações hospitalares (7%) e procedimentos cirúrgicos (31%), para citar alguns. A evolução do Antônio Pedro resultou ainda em muitos ganhos para a população local, como os exames de cateterismo, angioplastia e a instalação no novo angiógrafo, entre tantas outras melhorias.

"Vale dentro desse contexto lembrar que, como hospitais vinculados às universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Com isso, a Rede Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde da região, o que torna o papel de gestão da Empresa importante no sentido de atuar em diversas vertentes, sejam educacionais ou assistenciais.

"Cabe também pontuar que, anualmente, a Ebserh presta contas por meio de relatórios de gestão aos órgãos de administração superiores, TCU, CGU, que estão disponíveis em seu site e a toda a população.

Por fim, a Ebserh e o Huap reforçam que continuam empenhados em melhorar ainda mais os serviços oferecidos, cientes de que esse é o começo de um trabalho que deve ter mais resultados de médio e longo prazos."