Datafolha: Bolsonaro sobe para 32%; Haddad tem 21%

Ciro Gomes manteve os 11%, empatado com Geraldo Alckmin, que oscilou de 10% para 9%

Pesquisa Datafolha divulgada nesta terça-feira (2) mostra que o deputado Jair Bolsonaro (PSL) subiu para 32% das intenções de voto, ganhando quatro pontos percentuais desde a semana passada. Já Fernando Haddad (PT) tem 21%.

Ciro Gomes (PDT) manteve os 11%, empatado tecnicamente com Geraldo Alckmin (PSDB), que oscilou de 10% para 9%.

Bolsonaro e Haddad empatam tecnicamente nas simulações feitas para o segundo turno. No cenário em que os dois se enfrentam, Bolsonaro cresceu de 39% para 44% e Haddad caiu de 45% para 42%.

O Datafolha entrevistou 3.240 eleitores de 225 municípios nesta terça. A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.  A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR-03147/2018.

Macaque in the trees
Urna eletrônica (Foto: Arquivo/Agência Brasil)

Veja aos números:

Jair Bolsonaro (PSL): 32%

Fernando Haddad (PT): 21%

Ciro Gomes (PDT): 11%

Geraldo Alckmin (PSDB): 9%

Marina Silva (Rede): 4%

João Amoêdo (Novo): 3%

Henrique Meirelles (MDB): 2%

Alvaro Dias (Podemos): 2%

Cabo Daciolo (Patriota): 2%

Guilherme Boulos (PSOL): 0%

João Goulart Filho (PPL): 0%

Eymael (DC): 0%

Vera Lúcia (PSTU): 0%

Branco/nulos: 8%

Não sabe/não respondeu: 5%

Segundo turno

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro perde para Ciro e Alckmin e ganha de Haddad.

Veja os números:

Ciro 42% x 37% Alckmin (branco/nulo: 19%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 41% Bolsonaro (branco/nulo: 14%; não sabe: 2%)

Ciro 46% x 42% Bolsonaro (branco/nulo: 10%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 36% Haddad (branco/nulo: 19%; não sabe: 2%)

Bolsonaro 44% x 42% Haddad (branco/nulo: 12%; não sabe: 2%)

Ciro 46% x 32% Haddad (branco/nulo: 20%; não sabe: 2%)

Rejeição

A pesquisa também perguntou sobre a rejeição dos candidatos. Os entrevistados podem citar mais de um candidato. Por isso, os resultados somam mais de 100%.

Veja os números:

Bolsonaro: 45%

Haddad: 41%

Marina: 30%

Alckmin: 24%

Ciro: 22%

Meirelles: 15%

Boulos: 15%

Cabo Daciolo: 14%

Alvaro Dias: 13%

Vera: 13%

Eymael: 12%

Amoêdo: 12%

João Goulart Filho: 11%

Rejeita todos/ não votaria em nenhum: 3%

Votaria em qualquer um/ não rejeita nenhum: 1%

Não sabe: 4%

Em comparação com a última pesquisa Datafolha, no dia 28, as oscilações foram as seguintes:

Bolsonaro subiu de 28% para 32%;

Haddad caiu de 22% para 21%;

Ciro sem manteve com 11%;

Alckmin subiu de 10% para 9%;

Marina caiu de 5% para 4%;

Os indecisos se mantiveram em 5% e os brancos ou nulos, de 10% para 8%.

Segmentos

Bolsonaro cresceu na preferência entre as mulheres, passando de 21% para 27% das intenções de voto, ultrapassando Haddad, que tem 20%. O candidato do PSL também cresceu entre os eleitores com mais anos de estudo e entre os que têm renda familiar de 5 a 10 salários mínimos, de acordo com a pesquisa. No Sudeste, Bolsonaro passou de 31% para 36% e no Sul foi de 35% para 44%. Haddad manteve a liderança no Nordeste, com 36%.