PM prende foragido acusado de matar estudante em Sorocaba

A Polícia Militar prendeu, no início da noite desta quinta-feira (30) na Vila Maria (zona norte de SP) o foragido da Justiça acusado de assassinar a estudante Rafaela de Campos, 19 anos, em Sorocaba (99 km de SP). O corpo da jovem foi encontrado às margens do rio Sorocaba, na segunda-feira (27), um dia após ela prestar prova para conseguir bolsa em uma faculdade.

Segundo a PM, policiais fizeram uma abordagem de rotina em Paulo César Manoel, 40 anos, na rua Curuça. Ao consultarem o documento de identidade dele, constataram que ele estava foragido da Justiça, além de ser acusado pelo assassinato de Rafaela.

O criminoso cumpre pena, de 19 anos, por estupro e roubo. Ele estava na rua por conta do benefício da saída temporária do Dia das Mães. O benefício dele venceu no dia em que o corpo da estudante foi encontrado. A causa da morte dela é, segundo a polícia, afogamento.

Manoel foi encaminhado ao 72º DP (VIla Penteado), de onde será reencaminhado ao sistema carcerário de Sorocaba. Com o descumprimento das regras do benefício, ele volta a cumprir sua pena em regime fechado.