Jornal do Brasil

País

Ex-candidato a vereador e apoiador de Bolsonaro, pede desculpas por ameaça a jornalista

Homem ameaçou Carlos de Lannoy e sua família após matéria sobre carro fuzilado por militares

Jornal do Brasil THIAGO BONNA

Após ameaçar o jornalista Carlos de Lannoy, Erik Procópio de Moura, que já se candidatou, em 2012, a vereador em Nisia Floresta, no Rio Grande do Norte, pelo Cidadania (atual nomenclatura do PPS). Pediu desculpas pela ameaça ao repórter e a sua família.

Macaque in the trees
Erik Procópio de Moura (Foto: Reprodução)

Lannoy cobriu o caso do carro da família que foi fuzilado por militares, neste domingo, no Rio de Janeiro. As ameaças vieram pelo Instagram do jornalista, aonde o homem diz que "mexeu com Exército, assinou sua sentença. Sua família vai pagar. Aguarde cartas".

"O que você fez não é apenas uma afirmação vergonhosa, infeliz e lamentável, mas um crime previsto em lei", respondeu o repórter.

Nas redes sociais, Erik Procópio, que é formado em direito, se coloca como apoiador do presidente Jair Bolsonaro e da ditadura militar, além de se mostrar admirador do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Mouro.

Segundo a Revista Fórum, em 8 de março de 2018, Erik foi nomeado pelo então governador Robinson Faria (PSD-RN), para exercer o cargo de provimento em comissão de Chefe de Grupo Auxiliar C-1, do Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN). Assessoria de comunicação do órgão potiguar informou que ele não faz mais parte dos quadros do Detran.

Macaque in the trees
Erik Procópio de Moura foi candidato a vereador, em 2012. (Foto: Reprodução)

Macaque in the trees
Ofensa contra Carlos de Lannoy (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Macaque in the trees
Ofensa contra Carlos de Lannoy (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Macaque in the trees
Ofensa contra Carlos de Lannoy (Foto: Reprodução/Redes Sociais)