'Brasil condena totalmente essa crueldade', disse Bolsonaro sobre ataques na Nova Zelândia

Nas redes sociais, o presidente da República Jair Bolsonaro afirmou que o Brasil "condena totalmente" o ataque terrorista que matou 49 pessoas e deixou 48 feridas em duas mesquitas na cidade de Christchurch, na Nova Zelândia, na manhã desta sexta-feira (15).

Ele  prestou a solidariedade do governo brasileiro aos neozelandeses. Até o momento, as autoridades locais não divulgaram a identidade dos terroristas.

A Polícia pede que os internautas não compartilhem o vídeo em que um dos atiradores registrou "ao vivo" o ataque a uma das mesquitas.