Deputado quer adiar a reforma

O deputado Nelson Pellegrino (PT-BA) formalizou ontem pedido de suspensão por 30 dias da tramitação da proposta de emenda constitucional que reforma a Previdência. No requerimento, endereçado ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o parlamentar petista afirma ser preciso aguardar a chegada da proposta previdenciária dos militares para analisar o assunto com um todo.

"Como é que essa Casa pode debater a situação da Previdência quando todos sabemos que metade do déficit do regime próprio vem dos benefícios aos militares?. A iniciativa de Pellegrino é uma ação política, pois não há previsão de suspensão de tramitação no regimento, o que dependeria de uma decisão voluntária do presidente da Câmara.