Rosa pede que Vélez se explique

A ministra do Supremo Tribunal Federal, Rosa Weber, decidiu notificar o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, para que, caso queira, em até 10 dias, apresente explicações sobre uma entrevista em que disse que o brasileiro se transforma em um "canibal" ao viajar.

Em polêmica entrevista à revista Veja , Vélez Rodríguez disse que é necessário mais educação aos brasileiros. Eis sua opinião sobre o brasileiro quer viaja ao exterior: "Rouba coisas dos hotéis, rouba o assento salva-vidas do avião; ele acha que sai de casa e pode carregar tudo. Esse é o tipo de coisa que tem de ser revertido na escola".

A notificação foi feita em interpelação judicial apresentada ao STF por um advogado, que acusa Vélez de calúnia e difamação pelas declarações. O ministro pode apresentar ou não explicações. Depois, o advogado decide se apresenta ação por crime contra a honra.

"As acusações do senhor Vélez, além de demonstrarem que dito alienígena não é merecedor da naturalização brasileira que lhe foi concedida, muito menos o é de ser ministro de Estado da Educação", disse o advogado.