Jornal do Brasil

País

CNI/Ibope: 75% acham que Bolsonaro e equipe estão no 'caminho certo'

Jornal do Brasil

Pesquisa Ibope encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e divulgada nesta quinta-feira (13) aponta que 75% dos entrevistados acham que o presidente eleito Jair Bolsonaro e sua equipe estão no 'caminho certo'. Já 14% consideram que eles estão no 'caminho errado'. Foram ouvidas 2 mil pessoas em 127 municípios, entre 29 de novembro e 2 de dezembro. 

>> Pesquisa CNI/Ibope foi feita antes do caso do ex-assessor de Flávio Bolsonaro

Quanto maior a renda familiar, maior o porcentual dos que acreditam que o presidente eleito está no caminho certo. Entre os que possuem renda familiar de até um salário mínimo, 70% acreditam que Bolsonaro está no caminho certo, porcentual que aumenta conforme a renda familiar e chega a 82% entre aqueles cuja renda é superior a cinco salários mínimos.

A pesquisa também mostra otimismo em relação ao próximo ano. Quase dois a cada três brasileiros (64%) têm expectativa de que o governo Bolsonaro será ótimo ou bom. Outros 14% acham que será ruim ou péssimo, 18% avaliam que será regular e 4% não souberam ou não quiseram responder.

Para os brasileiros, a prioridade do governo deve ser melhorar serviços de saúde e promover a geração de empregos. Saúde e desemprego se destacam entre os principais problemas enfrentados pelo Brasil, de acordo com a pesquisa. 

Veja os números:

75% consideram eles estão "no caminho certo";

14% que eles estão no "caminho errado"

11% não sabem ou não responderam.

Macaque in the trees
Jair Bolsonaro (Foto: Evaristo Sá/AFP)

Expectativa

A pesquisa aponta que 25% têm uma expectativa 'ótima' com relação ao futuro governo. Já para 10%, ela é 'péssima'.

Veja os números:

Ótimo: 25%

Bom: 39%

Regular: 18%

Ruim: 4%

Péssimo: 10%

Não sabe/não respondeu: 4%

Melhorias

O levantamento mostra que dois em cada três brasileiros acreditam que a situação econômica do país vai melhorar em 2019, enquanto parcela similar espera que a própria vida vai melhorar ou melhorar muito no próximo ano.

Cerca de quatro em cada dez brasileiros (43%) acreditam que a segurança pública está entre os principais problemas que vão melhorar no primeiro ano de governo do presidente eleito. Em seguida, aparecem a corrupção (37%) e o desemprego (36%).

Equipe de governo

A pesquisa mostra que a maioria dos brasileiros ouvidos aprova as indicações para compor a equipe de Bolsonaro, bem como as medidas que vêm sendo anunciadas pela equipe.

Entre os entrevistados, 80% se dizem pelo menos um pouco informados sobre as indicações do presidente eleito para os cargos de primeiro escalão do governo – ministros e colaboradores da equipe de transição. Desses, 55% consideram as indicações adequadas ou muito adequadas.

Pouco mais de oito em cada dez se dizem informados, em alguma profundidade, sobre as propostas já anunciadas pelo presidente eleito. Entre eles, 75% afirmam aprovar de forma geral as propostas. O percentual de aprovação cresce de acordo com o grau de informação que o entrevistado diz ter sobre o novo governo.

Temer

A pesquisa também abordou a avaliação com relação ao governo Michel Temer. Confira os percentuais:

Ótimo/bom: 5%

Regular: 18%

Ruim/péssimo: 74%

Não sabe/não respondeu: 5%

Na pesquisa anterior do Ibope, divulgada em setembro, 78% consideravam o governo "ruim/péssimo"; 16%, "regular"; e 4% avaliavam como "bom/ótimo".

>> Ibope mostra que 85% dos brasileiros desaprovam governo Temer; 9% aprovam