Jornal do Brasil

País

Temer anuncia intervenção no estado de Roraima

Jornal do Brasil

O presidente Michel Temer anunciou nesta sexta-feira a intervenção federal no estado de Roraima, estado na fronteira com a Venezuela, diante da crise financeira e de segurança, e da chegada de imigrantes venezuelanos à região.

"Tentamos os mais variados meios. Não encontramos nenhuma saída legal para tanto, daí porque eu, ainda pouco tempo atrás, falei com a senhora governadora (Suely Campos) e disse que a única hipótese para solucionar esta questão, especialmente aquela de natureza salarial, seria decretar a intervenção até a posse, naturalmente, do novo governador, ou seja, até 31 de dezembro", revelou Temer.

"Fiz com a senhora governadora uma espécie de intervenção negociada. Ela acedeu a esta fórmula, concordou com esta fórmula, acha que de fato a situação está se complicando no estado de Roraima e que a melhor solução seria precisamente essa".

A situação em Roraima se agravou nas últimas semanas, depois que agentes penitenciários realizaram uma série de paralisações e piquetes para protestar contra as precárias condições de trabalho e o atraso nos salários.

Policiais e outros funcionários da segurança pública de Roraima também entraram em greve diante da falta de pagamento.

Segundo Temer, um interventor federal em Roraima será nomeado e haverá a convocação dos conselhos da República e de Defesa Nacional para referendar a decisão.

A crise na Segurança Pública se soma aos problemas que Roraima enfrenta com a chegada de milhares de imigrantes venezuelanos, que fogem da derrocada econômica em seu país.

Nos últimos três anos, mais de 100 mil venezuelanos chegaram ao Brasil, e Roraima foi a principal porta de entrada deste contingente, onde 75.500 solicitaram sua regularização no país, a partir de 2015.

 

rs/lr



Tags: política