Jornal do Brasil

País

Destroços de avião que caiu em SP são removidos

Jornal do Brasil

Os destroços do avião que caiu na zona norte de São Paulo foram recolhidos ontem, 1º, e levados para o depósito do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), que vai investigar as causas do acidente. Ainda não há prazo para o fim da investigação.

Foram recolhidas as asas da aeronave que estavam penduradas na casa que foi mais atingida no acidente. No interior da residência, estavam o motor e o trem de pouso, que foi retirado com auxílio de um guincho. Além desse imóvel, outros dois que foram atingidos na queda da aeronave permanecem interditados pela Defesa Civil.

A Polícia Militar bloqueou o acesso à rua Antônio Nascimento de Moura, onde o avião caiu.

Na manhã de ontem, a criança de oito anos atingida pelos destroços da aeronave recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Samaritano. Em nota, a instituição informou que ela "permanecerá internada para controle da dor e cuidados com os ferimentos". O quadro da paciente, identificada pelas iniciais P.M.M., é considerado estável. Ela ainda não tem previsão de alta. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.