Dilma confirma nomes de mais dez ministros

Pmdb ficou com cinco pastas, pt levou três e pr, uma. três mulheres foram indicadas aos cargos a presidente eleita, dilma rousseff, confirmou oficialmente ontem, por meio de nota, mais dez ministros do seu governo, que começará no próximo dia 1º de janeiro. desses, cinco são do pmdb, três do pt e um do pr.

Na pasta da agricultura, permanece no comando o atual ministro wagner rossi (pmdb-sp). na pasta de minas e energia, o senador edison lobão (pmdb-ma) retorna ao cargo. o senador garibaldi alves (pmdb-rn) assumirá o ministério da p rev i d ê n c i a .

Dilma também chamou o ex-deputado e ex-governador do rio de janeiro, moreira franco (pmdb-rj), para ocupar a secretaria de assuntos estratégicos (sae), órgão ligado à presidência da república com status de ministério. o titular do ministério do turismo será pedro novais (pmdb-ma).

O atual ministro do planejamento, paulo bernardo, (pt-pr) assumirá o ministério das comunicações. a secretaria de comunicação da presidência da república ficará com a jornalista helena chagas, ex-diretora de jornalismo da ebc e assessora de dilma durante a campanha.

Dilma confirmou o nome da deputada maria do rosário (pt-rs) para a secretaria especial de direitos humanos.

Ela ocupará o lugar do minis tro paulo vannuchi. já a secretaria especial da pesca será comandada pela senadora ideli salvatti (pt-sc).

Transpor tes do pr, dilma vai nomear o ex-ministro do governo de luiz inácio lula da silva, alfredo nascimento (pr-am), para o ministério dos transportes.

Ele havia deixado o governo para disputar as eleições para o governo de seu estado, mas acabou perdendo o pleito.

Na nota divulgada pela assessoria de imprensa da transição, dilma informa que pediu a todos os ministros que trabalhem de forma integrada com os demais setores do governo para dar cumprimento ao seu programa de desenvolvimento, com distribuição de renda e estabilidade econômica.

Da agência brasil