Hoje na historia

Leia mais e opine no

JBlog

w w w. j b l o g . c o m . b r / h o j e n a h i s t o r i a . p h p

Quadros de Monet são roubados em museu francês

28 DE OUTUBRO DE 1985

n unca de v eriam ter saído .

Acer v o CPDoc JB

No v e quadr os impr es - sionistas fr anceses, entr e eles o que deu nome ao mo vimento –

I m p re s- são, nascer do sol,

de Claude Monet (1840-1926) – f or am r oubados do Museu de Mar - mottan, em P a ris. Cinco h o - mens armados obrigar am os guar das e v isitantes do m u - seu a se deitar em com o r osto par a o c hão enquanto r etir a - v am os quadr os espalhados pelas par edes de várias salas. O cur ador do Marmottan, Iv es Br a y er , calculou a per da em 12 milhões de dólar es, acr escentando que, pela sua importância histórica, s ó o quadr o

I m p re s s ã o

tem um v a - lor incalculáv el. – É o r oubo do século , como se ti v essem r oubado a Mona - lisa – lamentou Iv es Br a y er . O cur ador , entr etanto , estr a- nhou o r oubo: – Não entendo como alguém pode r oubar algo tão f amoso . É impossív el v ender um quadr o desses. É conhecido demais. Num dos r oubos mais espe - tacular es da história, tam - bém f or am furtados outr os quatr o quadr os de Monet (

Cammile Monet e sua prima na Pr aia de T rouville

,

R e t rat o de J ean Monet, Retr a to de P ol y

,

P escador de Belle-Isle

e

Campo de tulipas na Holanda

), dois de A uguste Renoir (

B a n h i s- tas

e

Retr a to de Monet

), um de Berthe Morisot (

Menina no baile

) e um de Naruse (

R e t ra - to de Monet

). O Museu de Marmottan fica n uma rua tr anquila, em ele - gante bairr o de P aris. Na sua coleção , ha via outr os 82 qua - dr os de Monet, todos ag rupa - dos n uma mesma sala, no sub - solo . A coleção esta v a ali des - de 1971. – É a primeir a v ez que uma coleção de m useu é r oubada a mão armada, como em um banco – comentou Br a y er em uma coleti v a de impr ensa. Como o cur ador do Marmot- tan pr e vir a,

Impressão

er a f a - moso demais par a ser r oubado e cir cular no mer cado neg r o in- ternacional da arte. Lo go , os ladrões seriam descobertos. Em 1991, a polícia fr ancesa identificou uma máfia japone- sa por trás de seguidos r oubos que houv e no país, naquela época, incluindo o de Marmot- tan. Os ladrões f or am pr esos e os quadr os, r ecuper ados e d e- v olvidos ao m useu, de onde

Hoje na história CPDoc JBw w w. j b l o g . c o m . b r / h o j e n a h i s t o r i a . p h p

Amanhã:

Em 1945 -- V ar gas r enuncia. T er m ina o Estado Novo

OBRAS DE AR TE

– Máfia japonesa r oubou, a mão ar mada, pinturas avaliadas em US$ 12 milhões