Lava Jato: 'JB' sempre alertou sobre aqueles que escapam das penas

Em artigo publicado nesta quarta-feira (11) no jornal Valor Econômico, intitulado Donos e administradores 'escapam' de penas na Lava-Jato, o jornalista Fernando Torres questiona a seletividade na punição dos acusados de corrupção na Operação Lava Jato. Ele destaca que "se a chance de enquadramento e punição das pessoas jurídicas aumentou - e muito - nos últimos anos, o mesmo não se pode dizer até agora de forma ampla sobre executivos, conselheiros e sócios controladores dessas mesmas companhias."

"Por ora, foram investigados, denunciados e condenados, apenas os executivos que a Justiça entendeu que tinham relação direta com os fatos - embora a defesa dos "não delatores" negue."

"Membros de diretorias colegiadas que porventura tenham participado - ainda que sem saber - de aprovação de contratos ilegais ou de contas anuais com incorreções não foram chamados a responder no Brasil por negligência."

Ele prossegue: "A ausência de responsabilização direta de alguns donos de empreiteiras que tinham pleno conhecimento da relação próxima das companhias com o setor público e partidos políticos tende a deixar ao menos parte da sociedade incomodada com os acordos de leniência que têm sido firmados - mesmo antes das mudanças propostas pelo relator na tramitação da Medida Provisória 703."

>> Confira o artigo de Fernando Torres

O Jornal do Brasil já questionou, em diversos editorias publicados desde o ano passado, a punição aos corruptores, destacando que, após acordos de leniência, delações e a devolução de uma quantia irrisória aos cofres públicos, em comparação com o que foi usurpado, eles acabam livres, com o produto de seu roubo, enquanto os maiores punidos na verdade são seus empregados, que perdem seus empregos diante da profunda crise econômica causada pelos escândalos de corrupção.

>> É possível acreditar que os ladrões da Petrobras devolveram tudo o que roubaram?

>> Quem paga os altos custos e as prisões dos bandidos da Lava Jato?

>> Paulo Roberto Costa e os delinquentes desse nosso Brasil

>> O fim de ano dos ladrões da Lava Jato e das famílias dos desempregados

>> Os indignados da boca para fora, e os desesperados da boca para o estômago

>> Andrade Gutierrez e o reconhecimento do dolo

>> Brasil e os responsáveis pela crise

>> A delação e o prêmio que os desempregados não têm