Paes: Rio 2016 quer seguir Londres e investir em arenas simples e temporárias 

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, afirmou nesta sexta-feira que os Jogos de 2016 vão seguir o padrão de Londres 2012 na construção de arenas. A ideia é gastar pouco, maximizando a utilização de estruturas temporárias.

Paes está na capital britânica para receber a bandeira olímpica que será repassada pelas autoridades da Grã-Bretanha durante a festa de encerramento da Olimpíada no próximo domingo.

Em entrevista ao lado do prefeito londrino, Boris Johnson, Eduardo Paes falou sobre os investimentos que estão sendo feitos na capital fluminense faltando quatro anos para os Jogos. O prefeito foi questionado sobre a arquitetura das arenas, que sofreu críticas em Londres por ser simples demais.

A pergunta incomodou Johnson, que ouviu Paes afirmar que "o que eu gostei nos Jogos de Londres é que não haverá elefantes brancos. Foi bom ver que Londres não gastou dinheiro construindo essas coisas loucas que de vez em quando a gente vê."

O prefeito disse ainda que "Rio vai seguir Londres no que diz respeito à construção de arenas. Vamos fazer o maior número de arenas temporárias possível, sem gastar muito em obras que terão que ser demolidas depois das Olimpíadas".