Brasileiros cometem erros e ficam sem medalha no hipismo 

Os brasileiros Rodrigo Pessoa e Alvaro Affonso de Miranda Neto, o Doda, já não têm mais chances de medalha no hipismo, modalidade saltos, após as apresentações de ambos na final da categoria, realizada na manhã desta terça-feira, no Greenwich Park.

O melhor cavaleiro do país foi Doda, que somou cinco erros na última apresentação, sendo uma queda de obstáculo, que causou a perda de quatro pontos, e mais um ponto por ter estourado o tempo mínimo de 80 segundos. Somados com os quatro pontos perdidos na primeira penalização, o atleta somou nove pontos perdidos na final.

Já Rodrigo Pessoa, que havia perdido os mesmos quatro pontos do companheiro na primeira apresentação e ocupava a 11ª colocação, teve um desempenho abaixo da média na rodada final e foi penalizado com 13 pontos.