No jogo 100 de Formiga, Brasil bate Nova Zelândia no fim e avança 

Cardiff - Em duelo válido pela segunda rodada do Grupo E do futebol dos Jogos Olímpicos de Londres, a Seleção Brasileira feminina sofreu, mas conseguiu vencer a Nova Zelândia por 1 a 0, no início da tarde deste sábado, no Estádio Millenium, na cidade de Cardiff. A partida foi marcada também por ser o 100º jogo da meio-campista Formiga com a camisa verde e amarela.

Formiga é única jogadora a disputar as cinco edições do torneio feminino olímpico desde a sua inclusão no programa em Atlanta 1996. Aos 34 anos ela estreou com a Seleção em 1995, ano em que disputou o primeiro de seus quatro Mundiais.

No ano seguinte, a jogadora quase conquistou uma medalha, mas a Seleção acabou derrotada pela Noruega na disputa pelo bronze em Atlanta. Quatro anos depois, o mesmo aconteceu em Sydney, só que contra a Alemanha. Já em Atenas 2004, o Brasil ficou com a prata, repetindo a dose em Pequim 2008, nas duas oportunidades com derrotas na final para os Estados Unidos.

De volta à vitória brasileira na tarde deste sábado, a Seleção do técnico Jorge Barcellos chegou aos seis pontos na competição e garantiu vaga na próxima fase. Já a Nova Zelândia segue sem pontuar no torneio britânico.

O único gol da partida foi marcado por Cristiane no fim da partida, aos 41min do segundo tempo.

A última partida da fase de grupos da Seleção comandada por Jorge Barcellos será contra a Grã-Bretanha, time que tem o apoio de sua torcida na Olimpíada de Londres. O duelo será realizado na próxima terça-feira, às 15h45 (de Brasília), em Wembley. No mesmo dia e horário, a equipe neozelandesa pega Camarões, no Estádio City of Conventry.