Bandas terão que usar "playback" em shows dos Jogos de Londres 

As bandas que se apresentarão nas cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres irão tocar em cima de vocais ou instrumentação previamente gravados, segundo matéria do jornal inglês The Telegraph.

A organização dos Jogos de 2012 enfrenta críticas depois de anunciar que a maioria das músicas dos shows, incluindo as das grandes bandas, terá "playback". Isto pode fazer com que astros do rock como Mick Jagger e os Rolling Stones tenham meras funções de "karaokê", apesar dos altos investimentos nas cerimônias.

O Comitê Organizador dos Jogos de Londres (Locog) alega que devido à complexidade destes shows, que inclui o estádio em forma de tigela e o imprevisível tempo britânico, não há escolha a não ser esta medida.

A União dos Músicos achou a desculpa do Locog fraca, descrevendo-a como "vergonhosa". O assistente do secretário-geral da entidade, Horace Trubridge, disse que vindo do Reino Unido, que considera o berço da música ao vivo, a decisão é muito errada.

Esta é a segunda onda de críticas que o Locog enfrenta nesta semana. Na terça-feira os Sex Pistols, banda ícone do punk britânico, recusaram convite para tocar na cerimônia de encerramento. Em compensação, a chance dos Rolling Stones se apresentarem nos Jogos é cada vez maior.