Indianos protestam contra patrocinador de Jogos 

Mantendo acesa a polêmica sobre um dos patrocinadores dos Jogos Olímpicos de Londres, sobreviventes do incidente químico que atingiu a cidade de Bophal, na Índia, protestaram em frente ao Comitê Olímpico do país asiático contra a indústria química Dow Chemicals.

A empresa é acusada pelos manifestantes de causar a morte de aproximadamente 15 mil pessoas em 1984, após o vazamento de gases tóxicos na atmosfera. Até este ano, estima-se que a tragédia tenha atingido meio milhão de pessoas na Índia.

Desde o início de 2012 os manifestantes pedem o boicote da Índia aos Jogos Olímpicos de Londres por conta da participação da empresa.

A multinacional, no entanto, afirma que não teve culpa no acidente, pois quem comandava a fábrica de agrotóxicos na época era a Union Carbide, que foi adquirida pela Dow Chemicals somente em 2011. Segundo a empresa, todas as sanções legais já foram impostas e a dívida pelo desastre já está paga.